Cortinas na decoração: como escolher o modelo ideal?

Imagens: google.

Cortinas na decoração: como escolher o modelo ideal?

Comprar cortina nova para um ambiente não é mais nem de longe uma tarefa simples de se fazer e que visa apenas o bloqueio da luz solar e maior privacidade. As cortinas dão cara nova a um ambiente e são partes fundamentais principalmente  na  decoração de dormitórios e sala de estar.

Algumas dicas fundamentais podem te ajudar a escolher as  melhores cortinas para sala ou cortinas para quarto sem arrependimentos. Confira alguns itens para levar em consideração antes de fazer negócio.

Material

O tecido faz toda a diferença. Tenha em mente que é preciso conhecer as características de cada um deles para que não haja arrependimentos ao comprar cortinas em promoção, por exemplo.

Contra a luz e em grande quantidade, os tecidos possuem efeitos diferentes do que em apenas uma simples amostra de cortinas para janelas.

O voil, muito presente em cortinas para sala de estar por exemplo, é um tecido que transparece maior elegância e sofisticação, mas ao mesmo tempo permite maior passagem de luminosidade.

Avalie os prós e contras de cada material e veja se as características são apropriadas para o ambiente em que será instalado.

Cores

Nada de optar por cortinas para sala pequena com cores muito escuras. Se seu intuito é apenas impedir a entrada de luz, essa atitude pode diminuir e carregar ainda mais o ambiente.

Um modelo de cortina de varão com cores neutras dão mais possibilidades de combinações e por isso são fáceis de harmonizar. Para fugir da ‘mesmice” use cores em locais mais fáceis de serem substituídos como capas de almofadas e enfeites.

Medidas

Barra arrastando no chão ou cortinas para sala de jantar que não fica franzida: essas são as principais consequências de quem erra na medida do tecido.

Para saber as dimensões corretas, tenha em mãos as medidas da parede e do pé direito para cortinas sob medida. Já no caso de cortinas prontas, anote as medidas da janela que deseja instalar a cortina.

Em cortinas prontas é ideal é somar 40 cm à largura da janela e multiplicar o resultado por dois em tecidos de algodão ou linho e, por 3 se o tecido for voil ou seda.

É importante lembrar que as cortinas curtas só devem ser utilizadas em quartos infantis ou no caso de possuir algum móvel como aparador logo abaixo dela.

Varão, Varão Duplo ou Trilho Suíço ?

O varão simples é indicado para utilização apenas em modelos de cortinas com um único tipo de tecido e que não vão até o teto. Por outro lado, o varão duplo deve ser utilizado quando há  dois tecidos e que também em cortinas que não vão até o teto.

Por último, o trilho suíço é indicado para instalações em cortineiros ou em casos que a cortina vai até o teto. O trilho suíço é uma versão moderna do antigo trilho e merece uma chance por quem também busca praticidade. E ai, o que achou das dicas?

Por: Thati Lovato

Deixe o seu comentário!

Comentários (0)