Qual o melhor tecido de calcinha?

Qual o melhor tecido de calcinha?

Com o passar do tempo as calcinhas ganharam diversas versões como a calcinha caleçon, calcinha string, calcinha alta, entre outros. Não importa a modelagem, o tecido sempre foi fator determinante para contribuir com a saúde íntima feminina e proporcionar conforto às mulheres.

Na hora da compra não nos atentamos às características do tecido escritas em letras minúsculas na etiqueta das lingeries femininas, mas hoje vamos te informar sobre as principais características de cada tipo de tecido e sobre a importância de escolher bem.

Quais características devem ter um tecido para calcinha?

Seja para comprar uma calcinha sexy ou calcinha básica, é preciso saber que o tecido faz toda a diferença. Eles são determinantes para proporcionar o respiro  adequado da pele e permitir boa ventilação a fim de evitar o surgimento de bactérias e doenças sérias. É preciso levar em consideração o grau de flexibilidade que a peça oferece à mulher, assim como acontece com as calcinhas em lycra.

Nem pense em optar por modelos apertados, responsáveis por lesões e má circulação do sangue. Ainda está em dúvida sobre qual é o tecido você deve escolher em sua próxima compra de calcinha? Continue lendo nosso conteúdo e confira as melhores opções do mercado.

Tecidos mais procurados em Calcinhas

A escolha do tecido ideal tem influência na durabilidade, tempo de secagem, conforto, conforto térmico e preço de uma lingerie feminina. Essas são as variações mais procuradas na moda íntima.

Algodão

Este material é encontrado com frequência em calcinha cintura alta. Como principal característica, o algodão é eficiente com a transpiração da pele à medida que impede a proliferação de bactérias – é justamente por isso que o uso dessa fibra natural é indicada,  principalmente em períodos de altas temperaturas. O algodão ainda é fácil de lavar e possui tempo de secagem médio.

Microfibra

Muito conhecido por compor calcinhas sem costura, a microfibra é um tecido que passa conforto em dobro. O toque macio e a boa regulação da temperatura corporal são pontos fortes das calcinhas em microfibra.

 Poliéster

Com alta durabilidade o poliéster em calcinha fio dental é fácil de lavar e pode ser colocado direto na máquina. Por não facilitar a respiração da pele, esse tecido não deve ser utilizado no calor.

Renda

As rendas estão muito presentes em modelos de lingerie sexy – suas diversas padronagens fazem com que na maioria das vezes, estejam acompanhadas de transparências e aplicações. A calcinha de renda não favorece a transpiração da pele mas, por outro lado, é uma lingerie leve que seca em pouco tempo. E ai, o que achou das dicas?

Por: Thati Lovato

Biquíni Cropped – Tem pra todo gosto!

Biquíni Cropped – Tem pra todo gosto!

O biquíni cropped ganhou força total e destaque entre os modelos de biquínis da moda. O formato da peça mais lembra um top ou blusinha curta que com babados, aplicações e estampas diferenciadas colocaram à disposição das mulheres uma nova opção confortável e fashion para curtir o verão.

Ir à praia de biquini, por vezes pode deixar as mulheres inseguras, mas alguns modelos em específico, foram criados para minimizar desconfortos como acontece com o biquíni cintura alta  e mais recentemente, com o biquíni cropped com bojo.

A peça oferece sustentação para o público feminino que tem seios maiores, para as praticantes de esporte e também para quem busca por uma opção diferenciada de biquíni parte de cima.

A versatilidade dessa peça vai te proporcionar uma nova e agradável experiência no próximo verão, sem ter que ficar se preocupando a todo momento se algo está a mostra.

Você já escolheu o seu biquíni verão 2018? Caso não, confira todas as opções disponíveis no mercado para você. Agora, se já escolheu aproveite para incrementar seu look praia com os modelos de biquíni cropped.

Biquíni cropped manga longa

O biquíni cropped manga longa é uma das versões mais inovadoras da moda praia. É ideal para quem quer se proteger do sol ou praticar esportes aquáticos, como stand-up e o surf. Os tecidos específicos para praia dão maior proteção à pele contra a ação do o sol e da água.

Esse modelo, quando usado em conjunto com um biquíni hot pants também deixa as mulheres que querem esconder as gordurinhas mais satisfeitas, além de modelar o corpo. Os biquínis cropped de manga longa também são perfeitos para quem quer montar um look pós-praia.

Um acessório muito utilizado com esse recorte, seja em versões de biquíni estampado, biquíni preto ou ainda em outras cores sólidas, é colar body chain que dá um toque fashionista em uma composição de look pós-praia.

Biquíni cropped ombro a ombro

Também conhecido como biquíni ciganinha, o recorte que de ombro a ombro do biquíni cropped ganhou novos elementos com o passar do tempo. Os babados e franjas deixam a peça ainda mais fashionista e parecida com blusas da estação.

Assim como o biquíni tomara que caia com bojo, o biquíni cropped ombro a ombro confere maior volume ao busto, por isso é mais indicado para mulheres com busto menores e costas mais estreitas.

O ideal é combinar a peça com calcinhas mais discretas e lisas, para equilibrar o visual. Mas não se preocupe, você pode usar tanto com o modelo asa delta quanto com as calcinhas com amarrações laterais.

Biquíni cropped frente única

O biquíni cropped de frente única é  mais parecido com os biquínis tradicionais, em que há amarrações no pescoço e nas costas. A peça começou o sucesso com versões vintages com um biquíni listrado, de poá e com micro estampas.

A versão em crochê foi mais uma reinvenção do modelo que agradou as mulheres por transmitir um ar hippie podendo ser usado no dia a dia com combinações de saias longas e shorts – um visual completamente praiano e despojado.

Podemos comparar o sucesso do biquíni cropped com o do biquíni fio dental – peças inovadoras que romperam um padrão estabelecido previamente e se tornaram opções versáteis para qualquer tipo de mulher.

Ter biquínis lindos, nunca é demais! Se você ainda não tem um, dê uma chance ao biquíni cropped.

Por: Thati Lovato

Cortinas na decoração: como escolher o modelo ideal?

Imagens: google.

Cortinas na decoração: como escolher o modelo ideal?

Comprar cortina nova para um ambiente não é mais nem de longe uma tarefa simples de se fazer e que visa apenas o bloqueio da luz solar e maior privacidade. As cortinas dão cara nova a um ambiente e são partes fundamentais principalmente  na  decoração de dormitórios e sala de estar.

Algumas dicas fundamentais podem te ajudar a escolher as  melhores cortinas para sala ou cortinas para quarto sem arrependimentos. Confira alguns itens para levar em consideração antes de fazer negócio.

Material

O tecido faz toda a diferença. Tenha em mente que é preciso conhecer as características de cada um deles para que não haja arrependimentos ao comprar cortinas em promoção, por exemplo.

Contra a luz e em grande quantidade, os tecidos possuem efeitos diferentes do que em apenas uma simples amostra de cortinas para janelas.

O voil, muito presente em cortinas para sala de estar por exemplo, é um tecido que transparece maior elegância e sofisticação, mas ao mesmo tempo permite maior passagem de luminosidade.

Avalie os prós e contras de cada material e veja se as características são apropriadas para o ambiente em que será instalado.

Cores

Nada de optar por cortinas para sala pequena com cores muito escuras. Se seu intuito é apenas impedir a entrada de luz, essa atitude pode diminuir e carregar ainda mais o ambiente.

Um modelo de cortina de varão com cores neutras dão mais possibilidades de combinações e por isso são fáceis de harmonizar. Para fugir da ‘mesmice” use cores em locais mais fáceis de serem substituídos como capas de almofadas e enfeites.

Medidas

Barra arrastando no chão ou cortinas para sala de jantar que não fica franzida: essas são as principais consequências de quem erra na medida do tecido.

Para saber as dimensões corretas, tenha em mãos as medidas da parede e do pé direito para cortinas sob medida. Já no caso de cortinas prontas, anote as medidas da janela que deseja instalar a cortina.

Em cortinas prontas é ideal é somar 40 cm à largura da janela e multiplicar o resultado por dois em tecidos de algodão ou linho e, por 3 se o tecido for voil ou seda.

É importante lembrar que as cortinas curtas só devem ser utilizadas em quartos infantis ou no caso de possuir algum móvel como aparador logo abaixo dela.

Varão, Varão Duplo ou Trilho Suíço ?

O varão simples é indicado para utilização apenas em modelos de cortinas com um único tipo de tecido e que não vão até o teto. Por outro lado, o varão duplo deve ser utilizado quando há  dois tecidos e que também em cortinas que não vão até o teto.

Por último, o trilho suíço é indicado para instalações em cortineiros ou em casos que a cortina vai até o teto. O trilho suíço é uma versão moderna do antigo trilho e merece uma chance por quem também busca praticidade. E ai, o que achou das dicas?

Por: Thati Lovato

Você sabe o que é marketing digital?

Imagem: google.

Você sabe o que é marketing digital?

Com certeza você já ouviu falar sobre marketing digital, afinal, essa técnica é super explanada no mundo virtual. Mas você saberia explicar o que é marketing digital?

A Webfoco preparou este conteúdo para esclarecer e apresentar exatamente o que é marketing digital, além de te mostrar o que você pode esperar desse mercado futuramente.

 

Como surgiu?

A revolução digital e a popularização da internet mudaram completamente os principais meios de comunicação das pessoas. Consequentemente, com a evolução desse segmento, passou a ser possível usar as ferramentas desse mercado para promover uma empresa e seus produtos/serviços.

Devido as limitações da época, de início o marketing digital não se diferenciava tanto do marketing tradicional – ambos tinham as mesmas estratégias e o que diferenciava era o canal do marketing digital, a internet.

Com o passar do tempo passaram a desenvolver estratégias de marketing aplicadas e adaptadas para a internet e dispositivos móveis – especialmente a partir do ano 2000 -, até chegar a promover produtos e serviços de forma rápida, significativa e personalizada que conhecemos hoje.

 

Vantagens do marketing digital

O marketing digital é a melhor alternativa para executar atividades de marketing para uma empresa virtualmente, com o intuito de atrair consumidores potenciais, criar relacionamento com clientes e construir uma identidade de peso no mercado.

Por conta de todo avanço na área, o marketing digital é capaz de oferecer diversas vantagens, como por exemplo:

  • Comunicação e interatividade;
  • Feedback do consumidor;
  • Alcance global;
  • Segmentação (conhecer o seu público);
  • Estar à frente da concorrência;
  • Custo-benefício;
  • Métricas online (mensuração de investimento e lucro em tempo real).

 

Quais são as principais estratégias de marketing e qual a expectativa para o futuro desse segmento?

As principais estratégias de marketing digital são inbound marketing, marketing de conteúdo, otimização de sites, links patrocinados, email marketing e social media.

Obviamente ainda existem outras, e a cada dia surgem mais ferramentas úteis para que uma empresa atinja seus objetivos e obtenha os resultados esperados com estratégias na internet. Porém, as soluções apresentadas oferecem garantia de lucro e fazem com que seu investimento seja muito mais relevante.

Incentivamos que você crie grandes expectativas com o marketing digital quanto ao futuro, porque elas serão superadas. Especialistas afirmam que até 2020 teremos mais de 13 bilhões de aparelhos conectados à internet!

Em sua continuidade, as estratégias digitais tendem não só a promover soluções focadas em dados demográficos e psicográficos do público-alvo, mas irá oferecer produtos personalizados para cada consumidor.

Esse pode até parecer um futuro distante, mas algumas empresas já estão potencializando suas estratégias de marketing digital. Para saber mais sobre estratégias como google adwords, consultoria SEO ou qualquer outra apresentada, entre em contato conosco da Webfoco. Aproveite para entrar em nosso site e conhecer mais sobre nós!

Por: Thati Lovato

Como escolher a sandália feminina certa para cada ocasião!

COMO ESCOLHER A SANDÁLIA FEMININA CERTA PARA CADA OCASIÃO!

Não é de hoje que a sandália é um tipo de calçado que desperta a verdadeira paixão do público feminino. Todo o amor oriundo de tiras e saltos criados em diversas cores e formas já é antigo e, provavelmente, nunca acabará. Embora a sandália de salto seja a opção preferida para ser utilizada apenas nos finais de semana e em eventos especiais, ela ainda possui um trabalho muito importante no closet feminino.

São elas as totais responsáveis por entregarem a elegância completa para qualquer look. Se quiser fazer uma comparação interessante, coloque a mesma roupa com e sem uma sandália e você verá o quanto o estilo muda com isso. Pensando nisso, separei algumas dicas para você sempre saber quais são os modelos mais conhecidos de sandálias femininas e como utilizá-los com diversas opções de looks para compor esse tipo de sapato.

Como utilizar os diferentes modelos de sandálias!

Segundo diferentes consultoras de imagem e estilo, quanto mais fechada for o tipo de sandália feminina escolhida e quanto mais ela cobrir o pé, mais curta deve ser a peça de roupa escolhida. Além disso, caso a sandália tenha tiras que sobem pelo peito do pé e pela perna, o ideal é que sejam em cores claras, como um nude, caso você queira deixar sua silhueta com aparência mais longa.

Outra dica importante para modelos de calçados fechados, como os estilos abotinados, e de tiras que vão até o tornozelo é que eles sejam evitados por mulheres que possuem pernas grossas, uma vez que eles podem evidenciar essa parte do corpo, deixando-a com uma aparência mais grossa.

 

Sandálias de salto grosso!

Modelo ideal para a mulher que gosta de salto e não abre mão do conforto, esse tipo de calçado possui uma excelente sustentação, sendo muito mais fácil andar com ele. Sua utilização pode ser feita tanto para situações do dia a dia como para produções noturnas que exigem mais sofisticação, bastando escolher um modelo que se adeque ao resto do seu visual.

 

Sandália Gladiadora!

O estilo mais excêntrico de sandália, ela é cheia de tiras e detalhes que podem ir até o joelho, sendo mais indicada para mulheres que possuem personalidade forte e gostam de ousar nos visuais. No caso dos modelos de cano alto existe a necessidade deles serem combinados com roupas mais curtas, enquanto os que vão até o tornozelo podem ser vestidos até com calças jeans.

 

Sandália de salto fino!

Mesmo não sendo os tipos de sandálias femininas mais desconfortáveis, isso pode acabar acontecendo, pois o grau de dificuldade para seu uso é muito maior, inclusive para quem não está acostumado com salto. Se você realmente quiser usar esse modelo, faça a opção por estreá-lo em locais onde você terá lugar para sentar. Uma sandália de festa  com salto alto neste estilo são finas e elegantes, combinando muito bem com produções sofisticadas e informais.

 

Sandália Anabela

Feita sempre com um salto que acompanha a largura total do calçado, a Anabela oferece estabilidade e segurança durante o caminhar. Na maioria dos casos, essas sandálias decoradas possuem o salto confeccionado em rolha ou outros materiais semelhantes, o que as tornam mais leves e informais. Entretanto, existem outras versões de sandália Anabela mais sofisticadas com o salto coberto por outro material, sendo o modelo ideal para ocasiões mais despojadas, nas quais você quer usar salto.

 

Sandália meia pata!

Com certeza, este é um dos saltos mais amados pelas mulheres, já que ele aumenta a altura em, pelo menos 10 ou 12 cm mantendo o conforto para os pés. Tudo isso por conta da plataforma que fica na frente do calçado, diminuindo o peso na parte do salto. Os modelos de sandálias femininas com este tipo de salto são perfeitos para ocasiões que exijam mais produção e um conforto que possa aguentar muitas horas em pé ou dançando.

 

Sandália Espadrille!

Conhecidas também como espadrilha, esses calçados da moda feminina são muito parecidas com a Anabela, porém possuem um estilo mais despojado e um salto feito de cordas. Essas características fazem com que a sandália espadrille seja ideal para dias mais quentes e passeios informais, como ir ao parque ou o shopping. Ela é extremamente confortável, dando ao calçado uma maior usabilidade com diversos estilos de roupa feminina.

 

Sandália plataforma!

Embora tenham perdido um pouco da força ao longo dos anos, as sandálias plataforma ainda possuem seguidoras fiéis e podem ser vistas em diversas vitrines. Elas possuem uma base inteiriça que mantém o pé inteiro no mesmo nível de altura.

Com isso, existe quem afirme seu conforto e também quem possui medo de torcer o pé. Por isso, vesti-la ou não acaba sendo uma questão inteiramente de gosto. Por conta de seu caráter despojado, ela é mais indicada para ser utilizado para utilização durante o dia. E ai, o que achou das dicas?

 

*Este post é uma publicidade.

 

 

Por: Thati Lovato